Resenhas

O Navio das Noivas, Jojo

8 de setembro de 2016

Mais uma vez, Jojo Moyes nos trouxe uma história de prender o fôlego! O navio das noivas tem um começo meio lento, o que faz muitos desistirem da leitura, mesmo assim não me abalei e me arrastei um pouco na leitura (pelo menos nas primeiras 50 páginas) e em menos de uma semana já não aguentava as lágrimas com essa história tão maravilhosa! Esse livro é um daqueles que o leitor começa achando que não vai dar em nada e no final você fica muito chocado com tudo que leu! Fica de olho na resenha do mês!

o-navio-das-noivas-jojo-moyes

Austrália, 1946. É terminada a Segunda Guerra Mundial, chega o momento de retomar a vida e apostar novamente no amor. Mais de seiscentas mulheres embarcam em um navio com destino a Inglaterra para encontrar os soldados ingleses com quem se casaram durante o conflito.
Em Sydney, Austrália, quatro mulheres com personalidades fortes embarcam em uma extraordinária viagem a bordo do HMS Victoria, um porta-aviões que as levará, junto de outras noivas, armas, aeronaves e mil oficiais da Marinha, até a distante Inglaterra. As regras no navio são rígidas, mas o destino que reuniu todos ali, homens e mulheres atravessando mares, será implacável ao entrelaçar e modificar para sempre suas vidas.
Enquanto desbravam oceanos, os antigos amores e as promessas do passado parecem memórias distantes. Ao longo da viagem de seis semanas — apesar de permeada por medos, incertezas e esperanças — amizades são formadas, mistérios são revelados, destinos são selados e o felizes para sempre de outrora não é mais a garantia do futuro que foi planejado.
Com personagens únicas e uma narrativa tocante, Jojo Moyes conta uma história inesquecível que captura perfeitamente o espírito romântico e de aventura desse período da História, destacando a bravura de inúmeras mulheres que arriscaram tudo em busca de um sonho.
• Os livros de Jojo Moyes publicados pela Intrínseca já venderam mais de 800 mil exemplares no Brasil.
• “O Navio das Noivas” foi inspirado na história da avó da autora, que fez a mesma travessia relatada no romance para reencontrar o marido no período pós-guerra, e cada capítulo traz citações não ficcionais de esposas e oficiais que viajaram nesses navios.

O que eu achei…

o-navio-das-noivas

A história se passa em 1946, logo após o final da Segunda Guerra Mundial, onde todos só querem recuperar a rotina e esquecer tudo que viveu. Só que no período da guerra, muitas pessoas se casaram (e algumas casaram até as pressas!) e estão separados durante esse tempo todo. Nessa vibe que a leitura começa! No navio porta-aviões Victoria, que é o responsável por transportar centenas de mulheres da Austrália para a Inglaterra.

No navio conhecemos as quatro protagonistas dessa história. Margaret, Frances, Avice e Jean. Cada uma com o seu jeito conquista quem lê. Acredito que por todo mundo se identificar com um pouquinho de cada uma. Uma delas está grávida. Outra é enfermeira e tem um passado bem pesado. E como sempre no meio de um grupo de amigas, não podia faltar a mimada que nos diverte horrores na leitura porém sabe ser bem cruel quando quer. E por último deixei a que menos consegui compreender, mas com uma história que te deixa mega emocionada ao fim da leitura.

Seis semanas dentro de um navio aumenta as possibilidades de que tudo pode acontecer. Imagina só: Um comandante só para lidar com tantos hormônios e ainda controlar os homens que estão longe das esposas há muito tempo. O Victória se torna sede para diversas programações, como concurso de beleza e palestra de como pode ser a vida nova na Inglaterra. O mais legal é Jojo nos fazer entrar de cabeça em uma outra época. A forma como as mulheres não tinham poder opinativo e como eram julgadas. Tendo que ser submissas a suas famílias. Enfim, não sei como me adaptaria a uma vida assim.

PS: Deu vontade de fazer um sorteio, comenta aí o seu livro favorito da Jojo Moyes 😉

kit-jojo_1

Só vale escolher um viu?

Salvar

Salvar

Salvar

You Might Also Like

No Comments

Comentários